esgotado. entre em contato conosco para entrar em fila de espera.

disponível online

drama [turma 1: sábados]

Rafael Zacca [14 encontros]

  • Começou em 3 de set.
  • 1.050 Reais brasileiros
  • online

programa

drama: ação, espera, diálogo, silêncio Drama é a arte da ação. Da atuação. Atores e atrizes agem: uma heroína enterra o irmão, dois protagonistas se suicidam juntos, um corpo se desloca sem sentido no palco enquanto outro dança. E no poema, isso também pode acontecer? Como pensar a escrita de poesia como uma ação? De que maneira pessoas, bichos, coisas e fenômenos naturais agem no espaço da cena poética? A narradora de A teus pés dirige um carro na contramão enquanto diz "é agora". Em João Cabral de Melo Neto, o vento alísio afia seu corpo na lâmina dos coqueirais e dos canaviais. Dançarinos silenciosos. Atravessar a rua sem cuidado. Tomar uma coca cola com o date enquanto ganha o mundo. Fazer coisas. Esta é uma oficina de leitura e de escrita de poesia de longa duração. Ficaremos juntos por mais de 3 meses para pensar como levar não apenas as formas da tragédia e da comédia para a escrita de poesia, como também as do teatro épico, do teatro da espera, etc. Pensaremos, assim, a ação, mas também a demora; o diálogo, mas também o silêncio; o desenlace, mas também a tensão infinita, entre pessoas, coisas, bichos, plantas, vida e morte. Rafael Zacca é poeta e crítico. Doutor em Filosofia pela PUC-Rio. Professor de Estética e Filosofia da Arte no departamento de Filosofia da PUC-Rio desde 2020. Professor no curso de Filosofia Contemporânea da pós-graduação lato sensu na mesma instituição desde 2019. Pós-doutorando no departamento de filosofia da Unifesp desde 2021, onde realiza pesquisa sobre Walter Benjamin e Anne Carson. Publicou, entre outros, os livros de poesia O menor amor do mundo (7Letras, 2020) e A estreita artéria das coisas (Garupa, 2018). Também o livro antigona morreu então preciso falar com você (Hecatombe, 2021), em coautoria com os membros do coletivo oficina matéria-prima. Publicou o livro de crítica Formas nômades: arte, política e crítica hoje (Formas nômades, 2021). Também os livros de oficinas VHS Workout Poesia (Selinho, 2022) e Almanaque rebolado, junto à Oficina Experimental de Poesia (Azougue, 2016).


sessões